11 de out de 2008

Perdoar não faz esquecer

Desculpar é uma coisa. Perdoar é outra. Sei desculpar, mas não sei perdoar. E quando não perdôo é porque as feridas deixaram marcas permanentes. E quando olho para aquelas marcas lembro que elas geraram dor. Uma dor que passou, mas que, ao mesmo tempo, ficou, pois deixou marcas. Marcas que não há como apagar para sempre. É assim que funcionam certas mágoas para mim. Elas não são apagadas da minha mente e quando menos espero, elas reaparecem. E assim, é muito difícil de eu querer olhar no olho da pessoa que me causou tanto desgosto, mas, em alguns casos, não temos como evitar tais encontros indesejados e aí cinicamente falamos com quem não queremos e estamos onde não queríamos estar. Minha falta de habilidade em perdoar não se trata de um sentimento momentâneo. Tenho a impressão de que nunca conseguirei perdoar certas pessoas.

Pessoas como eu causam tristeza para quem pede perdão é não é atendida. Como diria Renato Russo, "triste coisa é querer bem a quem não sabe perdoar". Mas pra mim, se pisamos na bola, que aceitemos as conseqüências. Porque simplesmente nem todas pessoas são boas o suficiente para perdoar.

5 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Paoaskasok,Nossa !!!

    Bom Diia

    ;)


    Mika

    ResponderExcluir
  3. Como diz o ditado, "quem bate esquece, que apanha não esquece jamais". Bjus e bfs

    http://so-pensando.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Concordo contigo, existem coisas realmente difíceis de perdoar. Perdoar é mesmo diferente de desculpar(?)!

    ResponderExcluir
  5. Cara posso até perdoar e esquecer tb, depende muito do que irei ganhar com isso.

    ResponderExcluir

Feedbacks sinceros me interessam. Go ahead!