Pular para o conteúdo principal

O cafona que, às vezes, vira fashion!

Teve um verão, aqui em Porto, em que era moda usar tamanco da Melissa, modelo Donna. O verão passou e, pra não termos que abandonar os nossos lindos e chulequentos tamanquinhos, inventamos uma nova moda de inverno. Passamos a usar eles com meias. Quanto mais coloridas fossem, melhor era. E eu, como semprei adorei invenções, não pude deixar de aderir a essa novidade. Nunca me esqueço do visu que mais gostei de usar nessa época. Coloquei minha baby look do Super Homem, uma calça jeans justa, minha Melissa Donna azul claro e minhas meias vermelhas. Eu achei lindo, super fashion e, naquele tempo, não deixava de ser. Foi um sucesso!!! Ah, mas se fosse hoje, com certeza, na rua eu seria bastante zoada por ser tão brega. Se bem que, do jeito que a moda anda, é bem capaz da onda voltar!

Comentários

  1. Na boa, não me leve a mau, mas sendo no tempo em que você relatou ou hoje, acharia sua vestimenta brega do mesmo jeito rsrs. Brincadeira! rsrs. Bjus.

    http://so-pensando.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Moda, o mundo é movido a moda. Bom mesmo é quando a gente inventa a nossa, sem ligar pro que os outros vão pensar...No minimo, algumas vezes, louca você será. Ah, mas isso, só se antes a globo não lançar, porque vindo dela, é normal...rs

    Bj BJ

    LUANA

    ResponderExcluir
  3. Gente, que super-fofo seu modelito (com trocadilho e tudo! rs!)
    Eu amo minha camisetinha do super-man. Pode ser brega, aliás, quase todo mundo odeia, mas eu amo aquele trapinho.
    Adoro roupas referenciais, meio figurino. Eu tenho meu vestido-casaco Casablanca, tenho minha saia Amelie, um vestidinho que eu chamo de Barrados no Baile, etc...
    E eu adoro gente que consegue passar mensagem com a roupa.
    Bjos.

    ResponderExcluir
  4. rsrs...vai entender...deve um tempo aki que a gente usava sapatos bonecas com meias listradas...era a moda da epoca...mas hj eu acho ridiculo

    ResponderExcluir
  5. Moda é triste né? Numa hora a gente tá abafando....2 anos depois a gente já tem vergonha do que usou....

    ResponderExcluir
  6. kkkkkkkkkkkk... Acho q essa moda não pegou por aqui época nenhuma. Mas acho legal as pessoas q se vestem, como a outra colega acima falou, meio figurino! hihihihi Eu não sei se chego a ficar brega, pois minha "moda" é sempre o famoso jeans e uma blusinha qq dependendo da ocasião. Mas sempre assim... =P Não ligo muito pra isso. Vc será brega dependendo do seu estado de espírito! Isso sim o faz brega! =D
    Um ótimo fds. Bjooos

    ResponderExcluir
  7. huahuahauhauhaua... se eu t disser q eu não conhecia esse tamanco Melissa, vc acredita? Mas olha, deve ter ficado lindo seu look! Abafando! kkkkkkkkk... BjO!

    ResponderExcluir
  8. ótimo post. legal teu mod de escrever.
    maurizio.
    * o que quer dizer " chulequento ?"

    ResponderExcluir
  9. caracas nuunca gostei de tamanco HUAHUAHUAHUA

    ResponderExcluir
  10. Aloha!

    A moda adora derrubar a moda...

    Aloha!

    ResponderExcluir
  11. ai comprei essa melissa ai rossa bebe e tu tava junto comiiigo! Eu não usei com meias, mas me lembro que muita gente usava jhsadpojdspoajdsasp´dlp´sasdasd!

    ResponderExcluir
  12. Incrível como uma coisa tão simples como ser você mesma e vestir o que gosta pode virar. Acho que é essa a magicada moda, ela pode ser tudoo que você quiser basta se sentir bem.

    ResponderExcluir
  13. Moda é uma coisa que eu, representante do sexto masculino, nunca entendi muito bem. Ora vocês, mulheres, andam todas vestidas de uma maneira, ora todas de outra...
    Talvez por isso que eu valorize sempre as pessoas que seguem os seus próprios padrões, essas que, quando saem à noite, arrumam-se para si e não para os outros.
    Mas, já que falamos sobre vestuário, tu sabe, né, Tássia. A minha modelo favorita é sempre aquela meio hippie, de saião indiano... hehehe

    beijos

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Feedbacks sinceros me interessam. Go ahead!

Postagens mais visitadas deste blog

O tempo passa, o tempo voa...

"Não deixe nada pra depois, não deixe o tempo passar. Não deixe nada pra semana que vem, porque semana que vem, pode nem chegar." A Pitty falou tudo né? Quem sabe o dia de amanhã? Deus? Talvez. Não sou exemplo de organização, mas sempre procuro diminuir ao máximo minhas pendências. Só durmo se estou caindo de sono mesmo. Pois se ainda sou capaz de pensar, ainda sou capaz de fazer o que tenho pra fazer. As olheiras que se danem. Nem as disfarço (tenho preguiça).

Carrego sempre comigo um bloquinho de notas (cafonérrimo, a propósito). Nele vão tarefas que tenho que cumprir, trabalhos a fazer, lembretes, dicas de filmes e livros que recebo e, acima de tudo, idéias, muitas idéias. Deixar pra depois faz com que eu fique sobrecarregada, me estresse e acabe desistindo de muitas coisas. Por isso, me dedico muito aos meus "deveres" que eu mesma me imponho e vou riscando eles do bloquinho conforme vou cumprindo-os. Posso ter preguiça de lavar louça, mas meus textos, trabalhos …

Entrevista: Carol Teixeira

LOUCA PELA VIDA
“Pessoas mesmo são os loucos, os que são loucos por viver, loucos por falar, loucos por serem salvos (...)”. Essa é uma parte de um poema de Jack Kerouac que Carol Teixeira tem estampado na parede de sua sala. É outra maneira que Carol encontrou de transbordar, como se não bastassem as frases tatuadas em seu corpo, escritas em seu blog e em seus livros. Carol é assim, transparente. Seu corpo, seu jeito, sua casa, seus livros, tudo é ela. A escritora e filósofa de 28 anos é autora dos livros “De Abismos e Vertigens” e “Verdades & Mentiras”. É colunista da Cool Magazine e dos sites http://www.lpm.com.br/ e http://www.queb.com.br/ e editora da nova Revista do Beco. Já escreveu peças de teatro, fez programas de rádio, participou de um reallity show, viajou pelo mundo, foi dona de bar, ama a noite, Nietzche, Caio Fernando Abreu, Fred e, acima de tudo, a vida.
Tu já passaste por três cursos: Jornalismo, Direito e Filosofia. Desististe dos dois primeiros seguindo firme com…

Textos para Capricho (2 em 1)

Moda verão...qual a tendência de corpo pra próxima estação?O verão vem chegando e a as academias vão superlotando. Dois meses antes de ir pra praia, guris e gurias vão em busca do corpo perfeito. Meio difícil, pois o corpo perfeito não se atinge em dois meses e, às vezes, nem em anos. Talvez com muito silicone, suplemento, musculação e principalmente dedicação, mas não da noite pro dia. Isso se a moda for ser bombado (a) ou saradérrimo(a), é claro.Cuidado, o conceito de corpo perfeito varia em média a cada cinco anos. Não é só roupa que vira tendência, corpo também. Que tal se um ano após colocar seu silicone a moda vira seios pequenos, como nos tempos em que Cláudia Raia, Adriane Galisteu e Carolina Ferraz eram as tops? Nada muito improvável, afinal, no ano das mulheres samambaias, frutas e por aí vai, gostosas como Juliana Paes e Débora Secco estão investindo na próxima tendência: ser magérrima. Atualmente, estão pesando em torno de 47, 50 quilos. Corpo e moda tem tudo a ver. Ningué…