10 de nov de 2009

Um NÃO à Geyse e seu vestido rosa-vermelho.

Estou me preparando pra ser apedrejada pelo que vou falar, mas não importa, não vou fingir concordar com a maioria. Sabe aquela talzinha que conseguiu o maior ibope por ter ido pra faculdade de microvestido (rosa ou vermelho, não importa)? Essa mesmo. A Geyse, que eu prevejo como a nova mulher-fruta do momento (por ter corpão, cara horrorosa e nome propício). Pois é, sinceramente, acho que ela não merece nem a metade das defesas que está tendo, nem das páginas de jornal e do tempo de TV e rádio que está ocupando. Óbvio que achei errada tamanha agressão verbal sofrida por ela, mas que ela pediu, ah, pediu.
Não estou dizendo que as mulheres não devam ter liberdade pra irem e virem vestidas como quiserem, mas, cá entre nós, há alguma necessidade de ir pra faculdade vestida assim? Pra quê sofrer pra andar num salto 15, suponho, se pode andar de tênis, rasteira? Pra quê usar um vestido que tem que estar toda hora puxando? Que falta de conforto pra estudar! A preocupação maior é que o que entra na cabeça e não com o que tá fora dela. E, além do mais, é possível andar bem vestida sem querer ser o centro das atenções tá, colega?!
Tudo bem querer ir de pernas de fora pra faculdade. Canso de ver e até eu já fui, mas tudo tem limite. Um short (não mini mini), uma rasteirinha e uma básica acompanhados de uma postura adequada certamente podem ser vestidos sem a menor intenção de aparecer. Postura é tudo!

O que me deixou felizinha - admito - nesse episódio todo, foi saber que os alunos, ao invés de idolatrarem a menina por ser gostosa, não o fizeram. E isso, no Brasil, é novidade de impressionar. Será que já posso ter esperanças de que essa ERA "o que vale é ter corpão" vai acabar?
Me admiro ao ler jornalistas de renome e que eu esperava que fossem mais caretas que eu, na flor dos meus 22 anos, levantarem uma bandeira em seu favor. Será que têm medo de irem contra o senso comum? E pra quê essa palhaçada de movimentos, passeata "saia de saia" e similares por uma pessoa que nem conhecemos e da qual nem sabemos a real intenção?
Pra mim ela queria ibope. E conseguiu! E os troxas-revolucionários que não têm motivos reais e válidos para protestar, perdem tempo. E tenho dito!

4 comentários:

  1. Bem... Primeiro, a dita cuja em questão não deveria ter ido com o tal vestido, ponto! Agora, cá pra nós, quantas como ela Brasil a fora não vão igual ou pior. Segundo, a UNIBAN foi a grande culpada disso tudo. Por que os porteiros não a barraram na entrada da Facul. Terceiro, já escrevi isso nos meus blogs e escrevo aqui, ô país hipócrita é esse! Ou vc vai me dizer que ninguem se veste como ela, mostrando coxas, seios, bundas lá na UNIBAN. Sabe o que eu acho, que há algo a mais que um mero vestido. Todo mundo sabe que professor ou Gestores botam pra cima mesmo! Inda mais com mulheres que se vestem dessa forma. Vai que ela não quis dá, ou mesmo, parou de dá para alguém do corpo tecnico da Facul. O que mais me chama a atenção nisso tudo, é que a maioria das pessoas que tacaram pedra na garota o fazem a mesma coisa, ou coisas piores como sexo grupal, traem namoradas (os), são prostitutas (todos sabem que é "normal" mulheres da vida dentro de Facul)e afins. Não lhe critico por pensar assim, mas lhe advirto, a moral e bons costumes nesse país varia de acordo com a ocasião. Você não pode se vestir como ela, mas pode (Deus lhe livre dissso), sofre coisa parecida dentro do meio escolar por achar, pensar ou fazer algo que distoe "do senso comum". Já bem diria Nietszche, "não existe fenômenos morais, mas interpretações morais dos fenômenos". Quanto a mídia, é o resultado da ação desastrada da UNIBAN que achando que a expulsão era o mais facil, acabou por saber da pior forma, que apesar dos pesares, a individualidade que as vezes foge dos "padrões societários" nosso de cada dia, existe e é salutar a um país que se diz "democrático e cidadão". Bjus.

    http://submundosemmim.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Oi. O Neto, dono do blog Sacuxeio, me convideou para escrever algo lá hoje, e eu postei um texto lá sobre o caso UNIBAN (usei até uma parte do comentário que fiz aqui). Passa lá e deixa sua opinião. Bjus.

    http://sakuxeio.blogspot.com/2009/11/uniban-show-de-hipocrisia.html

    http://submundosemmim.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Gente!!! nossa, fiquei muito chateada mesmo lendo esse post.

    Não acredito que as pessoas pensem assim, cada dia vejo mais hipocrisia nesse mundo, eu mesma ja fui muuuito hipocrita, mas q bom q deixei isso d lado.

    acho q as pessoas são todas cheias de "que absurdo" mas muitas vezes fazem coisas piores! hj em dia é muito raro v alguem "santo", agora julgar uma outra por estar apenas com um vestido curto... aff... fala serio né! todo mundo idolatra esse povo da tv q anda praticamente nu... e soh pq a menina queria ir do jeito q gostava p/ facul acontece isso??

    pelo q vi, vc não deve curtir esse tal povo da tv... que bom, menos mal, mas... acho q ninguem lembra daquela historinha da biblia q diz "quem não tiver pecados q atirem a primeira pedra" o proprio Deus disse isso!!!!! quem somos nos p/ julgar alguem???? não importa qual é sua religião... mas acho esse um otimo exemplo d que primeiro temos q olhar p/ nós, mas não superficialmente, temos q ver o nosso intimo mesmo... duvido que vc não tenha seus pecados... e nem vem com essa de q "meus pecados são menores do q os dela" não existe isso... o errado é sempre errado, então vamos parar de ser intolerantes e preconceituoso! isso não leva a nada... na verdade leva sim... a um mundo cada vez pior.

    eu particularmente odeio chamar a atenção, sou uma pessoa do tipo timida, mas tem gente q gosta disso ué!! sou a favor da pessoa ser feliz do jeito que quiser. obvio que alguem vai fazer comentarios... eu mesma as vezes faço isso, mas humilhar a menina ja é d+...

    o mundo soh vai ser melhor quando deixarmos nossas hipocrisias de lado! as pessoas deviam buscar a felicidade, e não ficar julgando os outros... bem, é isso. ^^

    ResponderExcluir
  4. Olha, eu acho o seguinte: conheço diversos homens que tem ódio de mulheres feias que "se acham"; e sendo ou não a favor dessa mulher, ela se encaixa nesse ódio. Então eu acho que o que ocorreu foi isso, as fotos dela no orkut são péssimas e ela tá se achando e diante disso o caso do vestido foi o estopim para aquela baderna, tipo: "se enxerga minha filha"; preconceituoso? sim, mas têm homens que adorariam falar isso pra uma mulher na situação dela; principalmente aqueles que já levaram fora de mulheres feias como a geyse. Agora que ela tá se achando mesmo, depois das plásticas...; aproveita minha filha e mostre até o que não pode; aí quando os patrocínios acabarem, como o do ridículo julinho do carmo, volta a ser baranga esquecida; seria melhor estudar e não depender desse carinha que quer se promover às custas dela, poque isso tudo acaba... e tomara que não demore

    ResponderExcluir

Feedbacks sinceros me interessam. Go ahead!